acione Deus

A diferença entre pedir a Deus e acionar Deus

 

O espiritualista independente sabe que é impossível se separar definitivamente das Forças Divinas. Segundo o livro Caibalion fazemos parte do Todo e somos a expressão perfeita da Inteligência Perfeita. Podemos temporariamente nos recusar a canalizar a prosperidade e a ação Divina em nossas vidas, porque o livre arbítrio é sagrado, mas tão logo recuperamos a lucidez, o Criador volta a agir para cumprir o destino de Luz, Paz e Realização.

Muita gente diz que não tem fé porque quando precisou e pediu, não ouviu nenhuma resposta. E eu pergunto: como é que esperamos que a resposta de Deus surja em nossas vidas?  Atendendo nossos caprichos? Será que um caminho que não abre já é um recado?

Sim, é possível que a não realização de um desejo nosso seja o sinal de que estamos no caminho errado, ou que precisamos mudar alguma postura em nossas vidas, ou que a estratégia adotada está equivocada. Será que um conselho de um amigo ou até mesmo a inspiração não trazem o que precisamos saber?

A espera pode ser ainda um recado simples: a de que você precisa confiar mais nas Forças Invisíveis, sem deixar de fazer a sua parte. Desenvolver a paciência e combater a arrogância e a ansiedade. Muitas das pessoas que sofrem com obstáculos são muito controladoras e ansiosas. Pedem a mesma coisa todos os dias em suas orações, como se a Força Criadora não soubesse o que precisamos, ou pior, sofresse de Alzheimer.

A Natureza tem um ciclo. Para algo acontecer em nossas vidas é preciso um ajuste de destinos. Vamos imaginar que você peça um emprego. Para que ele surja em sua vida, se é que precisa surgir – a Vida pode querer que você crie seu negócio, por exemplo, vencendo o medo e assumindo riscos- faz-se necessário que um empresário organize suas contas para abrir uma nova vaga ou ainda que uma pessoa decida sair de seu trabalho.

É claro que para as Forças Maiores tudo é possível. Mas tudo precisa respeitar as próprias leis que Deus criou. Entre elas o tempo, o espaço e o livre arbítrio.

Você não precisa pedir as coisas para Deus. Planeje, busque fazer o seu melhor, dia após dia,  e aja de forma correta, honesta e confiando que sozinho você não chega a lugar nenhum. É preciso entender e ser um canal para que as Forças Maiores manifestem-se em nossa realidade.

Mas repito: aja corretamente, como gostaria que os outros agissem. O Bem não pode se materializar onde existe maldade. Sem esquecer da autoconfiança. Deus faz através de você!

 


Ricardo Hida é astrólogo, tarólogo e babalorixá. Autor do livro Guia para quem tem Guias – Desmistificando a Umbanda. Apresentador do programa “Encontro Astral” na rádio Vibe Mundial, 95,7 FM.

Tags Related
You may also like
Comments

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *