background img
banner
hotel astrologia 7

Hotéis astronômicos – viagens para quem ama o céu

por Barbara Teisseire

No dia 20 de julho de 1969 aconteceu um marco histórico: o sucesso da missão Apollo 11 fez com que Neil Armstrong e Buzz Aldrin chegassem na Lua. De acordo com uma pesquisa da Booking.com, mais de 40% dos viajantes brasileiros gostariam de conhecer o espaço. Em comemoração aos 50 anos da chegada do homem à Lua e enquanto ainda não é possível darmos uma voltinha pelo Sistema Solar, compilamos aqui 6 destinos incríveis para observar as estrelas.

 

Sutherland, África do Sul

hotel astrologia áfrica
O maior telescópio óptico do hemisfério sul fica na cidade de Sutherland, na África do Sul, e registra estrelas e galáxias distantes que não conseguimos ver a olho nu. O observatório também oferece passeios noturnos. O hotel com melhor avaliação de viajantes por lá é o Skitterland Guesthouse, que dispõe apenas de 5 quartos, nomeados em homenagem às constelações vistas da cidade.

 

 

Àger, Espanha

hotel astrologia espanha
A cidade espanhola de Montsec tem o céu mais limpo da Catalunha e foi considerada Destino Turístico Starlight pela UNESCO, ou seja, um ótimo local para observação de estrelas. As vilas ali substituíram toda a sua iluminação pública por lâmpadas de sódio e LED de cor âmbar para diminuir a poluição luminosa e melhor enxergar o céu. O hotel recomendado é o La Caseta del Montsec, que fica em uma linda região montanhosa e fica há 10 minutos de carro do Parc Astronòmic Montsec.

 

Fort Davis, Estados Unidos da América

hotel astrologia 3
A mais de 1500 metros do nível do mar, a cidade texana tem altitude privilegiada para observar o cosmos. O McDonald Observatory da Universidade do Texas, em Austin, organiza regularmente as Festas das Estrelas que permitem aos turistas fazer passeios noturnos para observação de corpos celestiais com o uso de telescópios. O Hotel Limpia fica a apenas 30 minutos de carro dali e é muito procurado não somente por conta do observatório, mas também pelo fácil acesso ao sítio histórico Fort Davis National Heritage e o Chihuahuan Desert Research Centre.

Falstone, Reino Unido

hotel astrologia 4
A vila de Falstone é sítio do parque Northumberland International Dark Sky que, como já diz seu nome, tem o céu escuro e faz dele um ótimo local para observar estrelas. O parque conta também com uma instalação arquitetônica feita para os visitantes se sentarem confortavelmente com seus cobertores, petiscos e binóculos enquanto observam o céu estrelado. Ali também é possível ver a Aurora Boreal, o que normalmente só se veria em uma viagem para a Noruega, Islândia ou outros destinos do Círculo Polar Ártico. O hotel recomendado nas redondezas é o Falstone Farmhouse and Barns, localizado em um lindo cenário perto da fronteira da Inglaterra com a Escócia. As acomodações têm toques tradicionais, como vigas de madeira e lareiras abertas.

 

Coonabarabran, Austrália

hotel astrologia5
Em Warrambungle Shire, a cidade é conhecida como a capital de astronomia da Austrália e abriga o primeiro observatório óptico e infravermelho do país, o Siding Spring. Anualmente, o observatório recebe a StarFest, um evento com duração de um final de semana, repleto de palestras e observações estelares. Perto dali, o hotel Barkala Farmstav oferece uma vista perfeita para seus hóspedes observarem as estrelas direto de uma varanda e uma acomodação de estilo rústico cercada por florestas.

 

Cabo Polonio, Uruguai

hotel astrologia 6

Lar de hippies e pescadores, Cabo Polonio é conhecido por ter o céu mais escuro do litoral uruguaio, fazendo com que as estrelas sejam também as mais brilhantes. A cidade, apesar de ter se tornado parte de roteiros turísticos, continua não fazendo uso de rede elétrica convencional. Os moradores utilizam principalmente velas para iluminar suas residências, geralmente de produção local. O hostel Narakan fica na praia e alguns dos dormitórios têm vista para o mar. A recepção 24 horas do local permite ao viajante sair e entrar a qualquer momento, comodidade especialmente interessante depois de uma noite observando as estrelas.

 

Wadi Rum, Jordânia

hotel astrologia 7

Esta região da Jordânia também é conhecida como Vale da Lua e atrai fãs de astronomia do mundo todo. No coração do deserto jordanense, Wadi Rum impressiona os visitantes com o contraste entre as dunas douradas iluminadas pelo sol durante o dia e o brilho das estrelas à noite. Longe da vila e de outros acampamentos, o Wadi Rum Sky Tours and Camp oferece acomodações em uma área tranquila e protegida do deserto. O acampamento oferece uma área compartilhada onde os hóspedes podem tomar um copo do tradicional chá beduíno enquanto se prepara para sair do alojamento e observar as estrelas.

 

Tags Related
You may also like
Comments

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *